Saiba como se proteger dos principais tipos de malware

Oriundo do termo Malicius Malware, que também quer dizer software malicioso, trata-se de um programa capaz de causar algum tipo de dano ou sequestrar informações da sua rede de computadores.

Um malware consegue infiltrar em computadores, dispositivos móveis, com o objetivo de extrair ilicitamente dados para conseguir chantagear o proprietário, buscando obter dinheiro. Tal prática se caracteriza como sequestro eletrônico.

Além disso, os computadores infectados passam a ser multiplicadores do vírus, pois eles podem contaminar outras máquinas através de envio de spams, além de monitorar a navegação para roubo de senhas bancárias e de redes sociais. Conheçam alguns dos tipos mais comuns de malware:

Vírus

O vírus era muito comum nas décadas de 80 e 90, época em que os computadores começaram a se tornar mais populares nas residências.

Ele é um tipo de malware que contaminava os equipamentos domésticos, com o intuito de exibir mensagens mentirosas ou apagar arquivos dos usuários. Esse tipo de programa malicioso é menos comum, tendo em vista que os criminosos preferem criar softwares que viabilizem retorno financeiro.

Trojan

Conhecido como Cavalo de Troia, é um tipo de malware que depende de interação direta com o usuário para acessar os computadores. Geralmente, eles conseguem acesso quando a pessoa baixa algum arquivo gratuito da internet.

Nesse processo de download, outros dispositivos são instalados na máquina, com o intuido de sequestrar dados e informações, além de conceder acesso não autorizado no dispositivo.

Ransomware

Esse tipo de vírus se tornou um dos mais populares nos últimos tempos. Ele tem a capacidade de, quando tem acesso a máquina, criptografar todos os dados e também alguns arquivos do sistema deixando-os inacessíveis até que o pagamento seja feito em criptomoedas.

Esse tipo de ataque é muito comum em estações de trabalho empresariais e também residenciais. Caso queira saber mais sobre o assunto, acesse o post “Ransomware: saiba como se prevenir contra esse tipo de ataque”, que está em nosso blog.

Spyware

Os crackers criaram esse programa para invadir o sistema de alguma empresa ou pessoa, com o intuito apenas de monitorar a navegação, buscando obter alguma vantagem competitiva.

O intuito aqui não é gerar prejuízo para o usuário. Muitas companhias usam isso para avaliar os gostos dos internautas, com o intuito de nortear ações de publicidade.

Como se proteger dos malwares?

Utilize softwares de proteção contra ataques cibernéticos, mantenha softwares e sistemas operacionais atualizados. Também é importante contar com uma consultoria especializada no assunto.

A RGA possui profissionais altamente gabaritados para executarem um planejamento para gestão de sua rede de computadores. Entre em contato com um dos nossos consultores e solicite um orçamento sem compromisso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *